Paciente que ficou 70 dias internado com nova gripe recebe alta em MG

Teve alta nesta terça-feira (8), em Belo Horizonte, o paciente que ficou mais tempo internado por causa da nova gripe, em todo o país. Ele ficou 70 dias de tratamento.

Rodrigo e Isabel estavam completando seis meses de casamento no dia 29 de junho, quando foram internados com sintomas da nova gripe.

Isabel teve alta uma semana depois, mas o quadro de saúde de Rodrigo se complicou. Além da pneumonia viral, ele teve também a bacteriana. Em seguida, os rins pararam de funcionar e veio a sepsemia, que é uma infecção generalizada.
Foram 45 dias isolado no Centro de Tratamento Intensivo do Hospital das Clínicas. Na maior parte do tempo, Rodrigo ficou inconsciente. Os médicos chegaram a temer que ele não conseguiria se recuperar.

Rodrigo vai ter que fazer fisioterapia por alguns meses para recuperar a força da musculatura. Durante o tratamento, ele tomou tamiflu e vários antibióticos, mas, para os médicos, a recuperação do rapaz só foi possível graças à surpreendente resistência do organismo do paciente.
Compartilhar no Google +

About NCF

Autor

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade