Articulações na AL chegam à reta final

Faltando uma semana para a eleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa (AL), marcada para o dia 1º de fevereiro, os deputados estaduais eleitos no último pleito caminham para definir o novo comando da Casa para o biênio 2011-2012 em consenso. O deputado estadual Ricardo Motta (PMN) conseguiu se viabilizar como candidato único à presidência da AL. No entanto, os parlamentares ainda não chegaram a um denominador comum quanto às demais vagas da mesa diretora.

A vaga mais cobiçada é a primeira secretaria, por ser um cargo que, depois do presidente, tem maior poder sobre as operações administrativas da Casa. Pelo menos três partidos já demonstraram interesse em ficar com a função: PMDB, PSB e PMN. Os deputados do PMDB argumentam que, por ter a maior bancada da AL (seis deputados), devem indicar o primeiro secretário. Já Gustavo Carvalho, do PSB, e Raimundo Fernandes, do PMN, buscam apoios para chegarem à vaga.

De acordo com o vice-governador Robinson Faria (PMN),articulador do processo de sucessão, a primeira secretaria será do PMDB. Ele disse que definiu apoio a um nome peemedebista em reunião com o presidente estadual do partido, deputado federal Henrique Eduardo Alves, e com Ricardo Motta. No entanto, Faria disse que a indicação vai depender da união da sigla. "A vaga só será do PMDB se houver consenso entre eles. A intenção de Ricardo é ter um primeiro secretário peemedebista. Se não houver unanimidade, não será culpa de Ricardo Motta", advertiu.

Robinson também adiantou que a primeira vice-presidência deverá ficar com o PSB, legenda que fez a segunda maior bancada da Assembleia junto com o PMN: quatro deputados. O nome mais cotado para a vaga é o de Gustavo Carvalho. A indicação seria uma espécie de prêmio de consolação, pelo fato de o deputado pleitear a primeira secretaria. O vice-governador frisou que, nesse caso, Gustavo também precisa das bênçãos do seu partido. "Se o PSB se unir, ficará com a primeira vice-presidência", reforçou.

Ao contrário de Robinson,Ricardo Motta foi mais cauteloso ao comentar o assunto. Para evitar perder apoios já conquistados, o parlamentar, já considerado o "presidente de férias", disse que está conversando e não descartou a possibilidade de seu colega de partido e de Assembleia Raimundo Fernandes ficar com a vaga já garantida por ele e Robinson ao PMDB.

De acordo com o regimento interno da AL, a votação para os cargos da mesa diretora ocorrem separadamente, caso não haja consenso entre os deputados. Apesar de Ricardo e Robinson prometerem a primeira secretaria para o PMDB, os demais concorrentes ao cargo podem articular a apresentação de outro nome para concorrer com a indicação peemedebista. Durante esta semana, o vice-governador e o candidato único à sucessão na Casa esperam definir uma chapa consensual.

A posição De cada um

Bancada governista

l Antônio Jácome (PMN)

Tentou viabilizar candidatura à presidência da Assembleia Legislativa, mas não conseguiu. Declarou apoio a Ricardo Motta. Deverá ocupar cargo na mesa diretora.

l Walter Alves (PMDB)

Declarou apoio à candidatura de Ricardo Motta a presidente da Assembleia Legislativa. Pretende ser o líder do PMDB na Casa.

l Gilson Moura (PV)

Anda afastado das conversas políticas, após a polêmica da renúncia. Mas deverá votar em Ricardo Motta para presidente da Assembleia Legislativa

l Ricardo Motta (PMN)

Candidato único à presidência da Assembleia Legislativa

l Gesane Marinho (PMN)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Cotada para assumir um cargo na mesa diretora.

l Getúlio Rego (DEM)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Cotado para assumir a liderança do governo na Casa. Descartou participar da mesa diretora.

l Dibson Nasser (PSDB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta àpresidência da Assembleia Legislativa. Deputado estadual eleito para a primeira legislatura. Não pleiteia espaços na mesa diretora.

l Leonardo Nogueira (DEM)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Pleiteia ser o representante do DEM na mesa diretora da Casa. Deverá ficar com a segunda vice-presidência.

l Vivaldo Costa (PR)

Primeiro a anunciar apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora.

l José Dias (PMDB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Cotado para assumir a liderança do governo na Casa. Descartou a possibilidade de compor a mesa diretora.

l Raimundo Fernandes (PMN)

Tentou ser candidato a presidente da Assembleia Legislativa (AL), mas não conseguiu viabilizar seu nome. Anunciou apoio a Ricardo Motta. Tenta articular indicação para ser primeiro secretário da mesa, porém poderá ocupar outra função.

Bancadade oposição

l Ezequiel Ferreira (PTB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora.

l Tomba (PSB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Pleiteia indicação para a primeira secretaria.

l Nélter Queiroz (PMDB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora.

l Gustavo Carvalho (PSB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Pleiteia indicação para a primeira secretaria, mas é cotado para assumir a primeira vice-presidência.

l Larissa Rosado (PSB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora..

l Márcia Maia (PSB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora..

l Gustavo Fernandes (PMDB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Pleiteia indicação para a primeira secretaria.

l George Soares (PR)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora.

l Hermano Morais (PMDB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora..

l Fábio Dantas (PHS)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora..

l Poti Júnior (PMDB)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Pleiteia indicação para a primeira secretaria.

l Agnelo Alves (PDT)

Anunciou apoio à candidatura de Ricardo Motta à presidência da Assembleia Legislativa. Não declarou publicamente disposição para compor a mesa diretora, mas é cotado para assumir uma das secretarias.

l Fernando Mineiro (PT)

Definiu apoio a Ricardo Motta e descartou ocupar cargos na mesa diretora. Cotado para ser o líder da oposição na Assembleia Legislativa (AL).
Compartilhar no Google +

About NCF

Autor

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade