INSS abre inscrições para 1.875 vagas no país

Com a abertura das inscrições para o concurso público do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), na manhã de ontem, os candidatos que aproveitaram o tempo para se planejar e iniciaram a maratona de estudos com antecedência, se programam para se inscrever e reforçar a revisão. O concurso é um dos mais esperados do ano em virtude da ampla oferta de vagas de nível médio, com salário acima da média para esse nível de escolaridade. As inscrições seguem até o dia 11 de janeiro, pelo site da Fundação Carlos Chagas.
Ao todo, são 1.875 vagas, sendo 375 vagas para o cargo de perito médico previdenciário e 1,5 mil para técnico do seguro social. No caso dos médicos, o salário chega a R$ 9.070,93. Para os técnicos (nível médio), a remuneração alcança R$ 4.496,89 com gratificações e auxílio alimentação. As vagas são distribuídas nas Agências da Previdência Social em todos os estados e Distrito Federal.

A concurseira Ana Glaucia Silva do Nascimento, 37 anos, analisava, na manhã de ontem, o edital antes de escolher o local para onde irá se inscrever. A realização do concurso se presta a necessidade do órgão em atender às demandas do Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX). A previsão para os próximos anos é a abertura de 720 novas agências em municípios que atendam aos requisitos determinados pelo Ministério da Previdência, como ter população acima de 20 mil habitantes e não possuir agência.

Para o Rio Grande do Norte foram disponibilizadas 17 vagas para técnico e uma para perito. "Fiquei surpresa com a oferta para o Estado. Todos esperavam bem mais. Quero uma agência já em funcionamento para ser chamada o quanto antes", disse a candidata, que não descarta a possibilidade de concorrer a vagas nos estados vizinhos. Preparando-se há cinco meses em cursinho específico, Glaucia dobrou a carga horária de estudos. "Não será fácil. Além da concorrência que deverá ser alta, a gente tem que se precaver contra a autossabotagem", disse.

Para o professor de direito previdenciário Marcelo Lopes, do Iap Cursos, a cerca de um mês e meio para as provas, o momento é de concentrar os estudos em questões anteriores, resumos e nas leis, exigidas em edital, e não mais de tentar devorar livros extensos. Como a Fundação Carlos Chagas, organizadora do concurso, não tem tradição em certames nesta área, o professor orienta os candidatos a responder exercícios de provas anteriores realizadas pela Escola de Administração Fazendária (Esaf) e pelo Cespe/UnB.

Entre os assuntos que devem receber atenção especial nessa fase de revisão está o de Benefícios, sobretudo referente a aposentadoria, pensão por morte e auxílio acidente. Por ser mais recorrentes nos serviços prestados pelo Instituto, explica o professor, estes assuntos tem maior probabilidade de serem cobrados nas provas. "O nível das provas para este certame deve ser menos complexo e, por isso, a média deverá ser alta, em torno de 95%, o que exige boa preparação dos candidatos", frisa o professor.

O candidato ao cargo de Perito Médico Previdenciário terá quatro horas para responder a 30 questões objetivas de Conhecimentos Gerais e 50 de Conhecimentos Específicos e será submetido a prova de títulos.

Para o cargo de Técnico do Seguro Social (novo nome para o antigo cargo de Técnico Previdenciário), só haverá prova objetiva, sendo 20 questões de Conhecimentos Gerais e 40 de Conhecimentos Específicos. O tempo para realização será de 3 horas.

O concurso realizado em 2008 para 1,4 mil vagas de técnico do seguro social e 600 para analista do seguro social, de nível superior, teve 593.043 candidatos inscritos. O cargo de técnico foi o mais disputado - 499.322 inscritos ou 356,66 candidatos por vaga. Cerca de 508 mil candidatos fizeram as provas.

INSS

Inscrições: De 19 de dezembro de 2011 a 11 de janeiro de 2012
Validação da inscrição: A partir de 16 de janeiro de 2012
Vagas: 1.875
Salário: R$ 4.496,89 e R$ 9.070,93
Taxa: R$ 51,70 e R$ 61,70
Provas: 12 de fevereiro de 2012
Local: a definir
Resultado Final: a definir
Compartilhar no Google +

About NCF

Autor

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade