Governo instaura processo administrativo para investigar "supersalários"

O Governo do Estado instaurou processo administrativo para averiguar os chamados "supersalários" no funcionalismo público. Hoje (17), o Executivo notificou pensionistas, servidores ativos e inativos que recebem mais de R$ 25.323,50 para prestarem esclarecimentos sobre o caso, que também é alvo de investigação do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Em maio deste ano, o TCE definiu que o Governo teria 90 dias para concluir os processos envolvendoo 628 servidores que recebem acima do teto, que corresponde ao salário do desembargador do Tribunal de Justiça. No dia 10 de julho, o Executivo havia dito que não conseguiria finalizar o processo administrativo com relação aos servidores dentro do prazo determinado, que expira em agosto. Na notificação aos servidores e pensionistas, o Executivo intimou os citados para, querendo, oferecerem defesa sobre o caso. No edital de convocação, não foi determinado prazo para a apresentação de defesa pelos interessados. Confira a lista dos notificados aqui.
Compartilhar no Google +

About NCF

Autor

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade