Telexfree oferece R$ 660 milhões de garantia para desbloqueio de contas

A disputa judicial da Telexfree para reativar o funcionamento normal da empresa de marketing multinível ganhou novo capítulo no início desta semana. Através de sua página no Facebook. A Telexfree informou que ofereceu R$ 659.629.591,00 ao juízo da 2ª Vara Cívil de Rio Branco, no Acre, como garantia financeira para que os bens da empresa fossem desbloqueados. Não há, no entanto, decisão sobre o pedido. A Telexfree está com os bens e contas bloqueados por decisão da Justiça do Acre, que viu indícios de esquema de pirâmide financeira. Além do bloqueio, a empresa está proibida de realizar novas adesões até que haja uma decisão sobre o mérito da questão. Por isso, a empresa explicou que ofereceu as garantias, com o objetivo de liberar as contas e o pagamento aos divulgadores enquanto não há o julgamento do mérito. "O pedido não foi analisado porque todos os juízes das cinco váras cíveis econtravam-se de férias, e a magistrada substituta vive na cidade de Manoel Urbano, comarca 226km distante de Rio Branco", disse o comunicado. Ainda não há a confirmação sobre a data em que o caso terá o mérito julgado. O pagamento aos divulgadores e novas adesões seguem suspensos enquanto a liminar estiver em vigor.
Compartilhar no Google +

About NCF

Autor

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade